A LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA mexe com as pessoas!

LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA é a que mais mexe com as pessoas, pois tira a desculpa que sempre se coloca sobre o outro, que sempre tem as costas largas, e coloca a carga onde deve estar: em cada um de nós!




A tarefa indelegável, de todos e quaisquer líderes, é a tarefa de recrutamento do seu pessoal, pessoal esse a quem ele vai confiar as ações para alcançar os resultados negociados e esperados. Lembre-se da LEI DA CRENÇA EM DEUS!

Esse líder pode exercer sua autoridade e delegar o recrutamento, mas a responsabilidade continua sendo dele, sempre dele. Se algo der errado, ele confiou e delegou o recrutamento para alguém no qual não podia confiar. Porisso também o exercício da liderança é tão solitária!

Vamos à lei, antes de mais nada!

  
 LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA
  
 O outro só consegue ser o que êle é, 
êle não vai ser o que você quer que ele seja, 
a menos que você negocie com ele uma mudança. 
  

Mas essa lei serve para nós também, simples mortais. Se nossos parentes, filhos e filhas, esposos e esposas, namorados e namoradas, cunhados e cunhadas, não atendem aquilo que esperamos, o problema é nosso!

Cabe a nós, tão somente a nós, negociar as expectativas ou abandonar a relação e iniciar novo recrutamento, quando for o caso, já que filho e filha, irmão e irmã, pai e mãe, não se escolhe. 

Podemos também fechar a nossa porta, por a culpa nos outros e fingir que está tudo bem conosco, quando nada está bem com cada um de nós que tomamos atitudes semelhantes a esta!




Essa LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA poderia ser enunciada de uma forma diferente, para não haver dúvidas, da seguinte maneira:

 1º Corolário da
 LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA
  
 O outro só consegue ser o que ele é,
as suas expectativas são suas!
  

Ou seja, as suas expectativas serão somente suas, e o outro não precisa atendê-las, a menos que você compartilhe essas suas expectativas e negocie com o outro.

No entanto a aplicação da LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA abre uma porta, oculta e fechada a sete chaves por muitas pessoas, porque há medo, muito medo de abrir essa porta: a solicitação e negociação da mudança no outro abre a porta da solicitação e negociação da mudança em mim!

É fácil reconhecer pessoas que mantém essa porta fechada a sete chaves, são aquelas pessoas que reclamam demais dos outros, que o outro isso e aquilo. São pessoas, que inferiorizadas pela sua rigidez, pelo seu medo de mudar, pela sua falta de adequação, enxergam nos outros a sua fraqueza de encarar a mudança!

Para esclarecer ainda mais o que estamos dizendo, vamos ao corolário da LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA para o mundo dos negócios:

 2º Corolário da 
 LEI DA EXPECTATIVA NEGOCIADA
  
 O problema nunca é o outro, o problema é seu, 
  ou a sua negociação falhou
  ou você recrutou mal!
   

Mas deixando de falar mal dos outros, – pois isto reflete o que eu sou -, vejamos o que essa lei nos diz para aplicação na área administrativa.

Esse colorário deixa em nosso colo todo e qualquer problema que antes julgávamos estar no colo dos outros … mas abre, escancara a porta da negociação para uma harmonia interpessoal mais proveitosa e proativa.

Essa harmonia interpessoal pode ser aplicada no ambiente de trabalho, em nossa casa, nas negociações empresariais e pessoais, nas suas compras, na sua vida!

Até uma próxima vez!

Carlos Alberto de Faria

Graduado em Engenharia Eletrônica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) em 1972 e pós-graduado em Marketing de Serviços pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) em 1997. Mais de 40 anos de experiência em Marketing.

Este artigo pode ser impresso, repassado ou copiado, no todo ou em parte, desde que
1º – mantida a autoria; 2º – divulgado o autor e 3º – divulgado o endereço do site  https://www.merkatus.com.br