CARLOS ALBERTO DE FARIA  apresenta:
ARTIGO


O ALINHAMENTO

 

Imagine uma empresa comum, onde decisões corriqueiras e não tão corriqueiras, são tomadas, a cada instante, pelo mais variado tipo de pessoas, nos mais variados instantes, baseados em uma percepção da realidade de cada um, dependente a individualidade de cada empregado e do seu restrito universo de conhecimento. Isso transmite uma idéia da Torre de Babel, onde todos falam e ninguém se entende.

Tornar as pequenas e grandes decisões em função, não somente das particularidades de cada um, mas fortemente voltadas aos objetivos maiores da organização de um conjunto heterogêneo de pessoas é o que se chama de ALINHAMENTO.

O alinhamento visa conjugar a alocação dos recursos humanos, financeiros e materiais disponíveis no sentido da obtenção dos resultados esperados e desejados, as metas da empresa.

Nos tempos atuais, de competitividade extrema, o alinhamento é buscado e perseguido por dar algumas vantagens competitivas: foco, diminuição de custos, conjugação de esforços e recursos, direção única, produtividade, moral elevada, entre outros.

Para a obtenção do alinhamento há muitos aspectos que devem ser cuidados. Nós, nesta série de artigos, abordaremos alguns desses aspectos do alinhamentos nos artigos abaixo:

 
O Alinhamento Pessoal
Neste artigo discutimos os aspectos individuais, pessoais, em termos de comportamentos, atitudes e postura frente a vida, que podem vir a fazer diferença na consecução de objetivos pessoais e empresariais.
 
O Alinhamento da Empresa (I) - A Construção da Cultura
O assunto deste artigo é apresentar uma estrutura básica, o alicerce para a elaboração de uma cultura empresarial voltada para os fins a que ela se destina. Uma representação gráfica auxilia a compreensão desse modelo.
 
O Alinhamento da Empresa (II) - A Execução
 Uma vez concluído o modelo é necessário a implantação e a constante verificação da diferença entre o que se deseja e o que se tem. Para tanto uma proposta onde são conjugadas a EFECIÊNCIA e a EFICÁCIA é apresentada, para dar corpo e suporte ao caminhar, no dia a dia, rumo à construção da empresa e de sua cultura necessária.
 
O Alinhamento dos Líderes (*)
 Os líderes são os modelos e os espelhos da empresa. Eles precisam incentivar o pessoal e demonstrar da maneira mais inteira a sua dedicação e total comprometimento, tanto com a construção da empresa através do seu desempenho, como com o crescimento e bem-estar dos seus liderados.
 
O Alinhamento dos Empregados com a Empresa (*)
 Os empregados precisam ter dois alinhamentos básicos. O primeiro é o que trata este artigo, o alinhamento esperado do desempenho do empregado em prol da construção da empresa, ou seja o alinhamento do empregado com a empresa.
 
O Alinhamento dos Empregados com o Mercado (*)
A outra perna do alinhamento dos empregados é o alinhamento destes com o mercado. A ação dos empregados precisa estar sincronizada tanto com os objetivos de construção diária da empresa no atendimento da demanda dinâmica dos seus mercados-alvo. Este é o assunto deste artigo.
 
 

 (*) - A ser publicado.

________________________________
Caso você queira discutir algum aspecto deste artigo, esclarecer estratégias para montar equipes que funcionam ou esclarecer outras dúvidas, contate-nos já!

 

© Copyright 2003, Carlos Alberto de Faria, Merkatus
Este "site" foi desenvolvido pela Merkatus.