EQUIPAMENTO PARA O FUTURO

Há 3 coisas que não voltam atrás:
– a flecha lançada,
– a palavra pronunciada, e
– a oportunidade perdida.

Provérbio chinês

Resumo:
Quais características um empreendedor deve ter? 
E um empregado excelente?
E um cidadão responsável?

O que o cidadão, o empregado e o empreendedor deve saber, conhecer, estar habilitado tanto competir na selva do mercado? Como cooperar para que seus pares, as empresas e a sociedade atinjam resultados esperados?

Estas perguntas eu já trago comigo há alguns anos e tenho obtido e encontrado algumas respostas.

Na semana passada, pesquisando a Internet sobre um assunto que a princípio nada tinha a ver com isso, deparei-me com o que lhes apresento abaixo, uma excelente contribuição e aproximação para a resposta que eu busco.

Desenvolveu-se na década passada, nos EUA, um projeto denominado:

 EFF – “Equipped For the Future”– 

que buscou integrar a pessoa na pele do cidadão, buscando propiciar a estas pessoas o conhecimento, as ferramentas e o discernimento para que elas possam viver e interagir proativamente na sua sociedade.

O projeto se propõe a desenvolver o cidadão através de 4 categorias:

1. Competências em comunicação
2. Competências em Tomada de Decisão
3. Competências Interpessoais
4. Competências de aprendizagem ao longo da vida 


divididas essas em 16 competências, mostradas abaixo.

Há um expressão usual: analfabetismo funcional, que significa que a pessoa com essa deficiência sabe ler, portanto está alfabetizada, porém não consegue interpretar o que lê, não entende aquilo que está escrito.

O projeto preparou material de excelente qualidade de aprendizagem para os alunos, e de apoio para os professores.

O conteúdo proposto é uma tentativa de resgate do “não cidadão funcional”.

NÃO CIDADÃO FUNCIONAL:
é uma pessoa, já com certo tempo de estudo, com alguns anos de escola, mas ainda incapaz de exercer a sua cidadania plena, por falta de competências para encarar o mundo de frente, proativamente.

Para a verificação das suas competências como pessoa responsável pelo seu próprio caminho na vida, como :

– cidadão,
– patrão,
– empreendedor
– empresário,
– pai ou mãe, 
– marido ou esposa,
– amigo ou empregado,

eu recomendo que você leia atenciosamente o que se segue, pois é de extrema valia para a sua pessoa, para os que o cercam, e para a sua empresa e empregados.

A tradução cometida por mim pode conter falhas…

1. Competências em comunicação

·  Ler com entendimento o Encontre o propósito da leiturao Selecione estratégias de leitura apropriadas para o propósitoo Acompanhe a compreensão e ajuste as estratégias de leiturao Analise as informações e reflita sobre o seu significado subjacenteo Integre essas informações com o conhecimento anterior para alcançar o propósito.

·  Transmitir idéias por escritoo Encontre o propósito da comunicaçãoo Organize as informações que sirvam ao propósito, ao contexto e à audiênciao Esteja atento às normas do uso da Língua Portuguesa, inclusive a gramática, ortografia e estruturas das frases para aumentar a compreensão do leitoro Busque ou solicite “feedback” para revisar e melhorar a efetividade da sua comunicação

·  Falar para que outros entendam o Determine o propósito da comunicaçãoo Organize e transmita informações para servir eficazmente ao propósito, ao contexto e ao ouvinteo Esteja atento às convenções da comunicação oral em Português, incluindo gramática, escolha de palavras, a entonação, o ritmo, e os gestos para aumentar o entendimento do ouvinteo Busque ou solicite “feedback” para revisar e melhorar a efetividade da sua comunicação

·  Ouvir ativamente o Preste atenção às informações oraiso Esclareça o propósito de ouvir e use estratégias adequadas para este propósitoo Acompanhe a compreensão, ajustando as suas estratégias de escuta para aumentar a compreensãoo Integre as informações ouvidas com o conhecimento anterior para alcançar o propósito.

·  Observar criticamente o Esteja atento às fontes de informação visual, incluindo a televisão e outros meios de comunicação socialo Encontre utilidade e propósito nas observações e use estratégias apropriadas para o propósitoo Acompanhe a compreensão e ajuste as estratégiaso Analise o rigor, a parcialidade, e a utilidade da informaçãoo Integre as informações com conhecimento prévio para alcançar o propósito da observação

2. Competências na tomada de decisão 

·  Usar a matemática para resolver problemas e se comunicaro Compreenda, interprete e trabalhe com imagens, números e informações simbólicaso Aplique o conhecimento de conceitos matemáticos e de procedimentos para descobrir como responder a uma pergunta, resolver um problema, fazer uma previsão, ou realizar uma tarefa que tem uma dimensão matemáticao Defina e selecione os dados a serem utilizados na resolução de problemaso Determine o grau de precisão exigido por cada situaçãoo Resolva problemas utilizando procedimentos quantitativos adequados e verifique se os resultados são razoáveiso Comunique os resultados usando uma variedade de representações matemáticas, incluindo gráficos, mapas, tabelas, modelos algébricos. 

·  Resolver problemas e tomar decisõeso Antecipe ou identifique problemaso Use informações de diversas fontes para se chegar a um entendimento mais claro do problema e suas causas principaiso Gere soluções alternativaso Avalie os pontos fortes e fracos das alternativas, incluindo os riscos potenciais e os benefícios de curto e longo prazoo Escolha a alternativa mais adequada para a meta, o contexto, tendo em vista os recursos disponíveiso Estabeleça critérios para avaliar a eficácia da solução ou decisão

·  Planejaro Estabeleça e priorize metaso Desenvolva uma abordagem organizada de atividades e objetivoso Execute o plano ativamenteo Acompanhe o andamento do planejado, considerando as necessidades de ajuste à realidadeo Avalie a efetividade no alcance das metas.

3. Competências interpessoais 

·  Cooperar com os outros o Interaja com outras pessoas com tato, de forma amigável e cortês, demonstrando respeito pelas suas idéias, opiniões e contribuiçõeso Procure nas colocações dos outros a compreensão das ações e reações deleo Ofereça colocações claras sobre seus próprios interesses e atitudes para que os outros possam entender as suas ações e reaçõeso Ajuste as suas ações levando em consideração as necessidades dos outros para que a tarefa seja cumprida

·  Defender-se e influenciar o Defina o que se está tentando alcançaro Avalie interesses, recursos e a possibilidade de sucessoo Colete fatos e informações de apoio para construir uma visão que leve em conta os interesses e as atitudes dos outroso Apresente um panorama claro, utilizando uma estratégia que leve em conta os propósitos e a audiênciao Reveja, se necessário, tendo em vista comentários recebidos

·  Negociar e resolver conflitos o Reconheça a existência de conflitoo Identifique as áreas de acordo e desacordoo Gere opções de solução do conflito que tenham potencial “ganha-ganha”o Empenhe-se na tentativa de chegar a um acordo de uma forma que possa satisfazer as necessidades e os interesses de todoso Avalie os resultados dos esforços e reveja abordagem, se necessário

·  Orientar os outroso Avalie as necessidades dos outros e da sua própria capacidade de orientaro Utilize estratégias para fornecer orientação que leve em conta as metas, as tarefas, o contexto e os estilos de aprendizagem dos outroso Encontre oportunidades de aprendizagem construídas sobre os pontos fortes do aprendizo Busque “feedback” sobre a utilidade e os resultados da sua orientação

4. Competências de aprendizagem ao longo da vida 

·  Assumir a responsabilidade pela aprendizagem o Estabeleça metas de aprendizado que sejam baseadas na própria compreensão de suas necessidades atuais e futuraso Identifique as próprias forças e fraquezas como aprendiz e procure oportunidades de aprendizagem que o ajudem a construir o seu próprio conceito de aprendizo Familiarize-se com uma variedade de estratégias e meios de aprendizagem para adquirir e reter conhecimentoso Identifique e use estratégias adequadas aos seus objetivos, tarefas, contexto e aos recursos disponíveis para a aprendizagemo Monitore o seu progresso em direção às metas e modifique as estratégias ou outras características da situação do aprendizado necessárias para alcançar os seus objetivoso Teste novas possibilidades de aprendizado encontradas na vida real.

·  Refletir e avaliaro Analise onde você está: avalie o que você já sabe e a importância do conhecimentoo Faça inferências, predições e julgamentos baseados nestas reflexões.

·  Aprender através da investigação o Proponha uma pergunta para ser respondida ou faça uma previsão sobre assuntos ou eventoso Utilize múltiplas linhas de investigação para coletar informaçõeso Organize, avalie, analise e interprete os resultados

·  Usar tecnologias da informação e comunicação o Use computadores e outras ferramentas eletrônicas para obter, processar e manipular informaçãoo Utilize ferramentas eletrônicas para aprender e praticar competências e habilidadeso Utilize a Internet para explorar temas e coletar informações


O quanto o Brasil precisa caminhar em sua educação, partindo do analfabetismo e chegando no cidadão?

A sua empresa têm esse tipo de profissional?

Você tem todas estas competências?

Se a sua empresa busca empregados competentes, saiba que a sociedade igualmente precisa de cidadãos competentes.

E o cidadão competente vem antes do empregado competente.

A sua empresa tem dificuldades de encontrar empregados competentes, ou você próprio de obter a sua própria competência? A Merkatus pode ajudá-lo. 

Carlos Alberto de Faria

Graduado em Engenharia Eletrônica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) em 1972 e Pós-Graduado em Marketing de Serviços pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) em 1997. Mais de 40 anos de experiência em Marketing.


Este artigo é uma prática de disseminação de conhecimento adotada pela Merkatus, através do correio eletrônico, de circulação restrita e exclusiva para pessoas, instituições ou empresas que manifestaram o interesse em recebê-lo. Este artigo aborda temas que ajudam as pessoas, as empresas e as instituições a aprimorar: a) a obtenção de mais e melhores clientes certos; b) a conformidade do que produzem ou fazem à demanda do seu mercado; c) a aproximação de interesses convergentes entre a demanda e a oferta, dentro da área de serviços. É nosso intuito promover o desenvolvimento pessoal e aprimorar as relações comerciais do mercado. 

Este artigo pode ser impresso, repassado ou copiado, no todo ou em parte, desde que: 1. mantida a autoria; 2. divulgado o autor; e 3. divulgado o endereço do site www.merkatus.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.